quarta-feira, 5 de junho de 2019

Sesap alerta sobre desabastecimento de soros antivenenos, antirrábico e fumacê



O secretário estadual da Saúde Pública, Cipriano Maia, concedeu na tarde desta quarta-feira (05) entrevista coletiva com o objetivo de alertar à população e aos profissionais de saúde sobre atitudes de proteção e de prevenção diante da crise de desabastecimento de soros antiveneno e antirrábico que afeta todo o país, bem como a falta do inseticida malation utilizado pelos carros fumacê no combate ao mosquito aedes aegypti.

Os soros antivenenos ou antiofídicos, utilizados para tratar mordidas de cobras e animais peçonhentos (cobras, escorpiões e morcegos), são fornecidos pelo Ministério da Saúde que tem feito adequações devido à redução considerável na produção do soro. 

Segundo o secretário, o estoque da Sesap está muito reduzido e está insuficiente para o prazo mínimo de regularização que é de seis meses. Desde 2013, o Ministério da Saúde vem enviando um número de soros menor do que o solicitado pelos estados. O cenário se deve às adequações necessárias, por parte dos laboratórios produtores, para cumprir as normas exigidas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

“Por isso, precisamos reforçar os cuidados e alertar o agricultor para tomar mais cuidado na proteção contra a picada da cobra, bem como  aumentar a vigilância no próprio ambiente doméstico. Chamamos atenção para aumentar a vigilância com relação à raiva porque embora não tenhamos casos de raiva humana desde 2010, há um grande número de animais com positividade para o vírus."

Sobre as arboviroses (dengue, zika e chikungunya), o secretário chama a atenção da população, profissionais de saúde e vigilância dos municípios para reforçarem as ações de controle do mosquito.

Diante desse quadro, a Sesap adotou medidas que visam para proporcionar o uso racional dos produtos. A primeira delas é a definição de três hospitais de referência - o Giselda Trigueiro (Natal), Hospital Tarcísio Maia (Mossoró) e Hospital Telecila Freitas Fontes (Caicó) – para centralização estratégica dos soros nestas unidades; monitoramento diário dos estoques de soros; orientação e sensibilização dos profissionais de saúde para que cumpram rigorosamente os protocolos de prescrição dos soros, estabelecidos pelo Ministério da Saúde, evitando o desperdício.

Para esclarecer dúvidas e orientar a população e os profissionais de saúde quanto aos casos de acidentes por animais peçonhentos e intoxicações a Sesap disponibiliza também um serviço de plantão 24h. O Centro de Assistência Toxicológica do RN (CEATOX) funciona por meio dos números telefônicos: 0800 281 7005 / 3232-4295 / 98803-4140 (whatsapp).


Pau dos Ferros-RN: VI Ursap divulgou lista das Farmácias e Drogaria de Plantão para o mês de junho


Como faz, religiosamente todos os meses, a VI Unidade Regional de Saúde Pública (VI URSAP), sediada em Pau dos Ferros, divulgou a Escala das Farmácias e Drogarias de Plantão, localizadas no município, referente a junho. Além dos nomes dos estabelecimentos, constam, também, os números dos telefones fixos.
Segue a lista até o dia 30, que encerra com a Farmácia Ideal.


segunda-feira, 3 de junho de 2019

Sesap participa de reunião com Ministério Público do RN



O secretário de Saúde do estado, Cipriano Maia, o secretário adjunto, Petrônio Spinelli, e coordenadores e responsáveis técnicos por diversas áreas da Sesap reuniram-se com a coordenadora do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Saúde (Caop) e promotora de Justiça, Kalina Correia Figueira.

“Estabelecemos a continuidade da cooperação e parceria com o Ministério Público, visando e trabalhando a qualificação do Sistema Único de Saúde com o fortalecimento das regiões de saúde, avançando, também, na construção dos consórcios interfederativos”, destacou Cipriano Maia.

Entre as temáticas debatidas durante a reunião foram enfatizadas a importância de priorizar a atenção básica, a necessidade de construir e sistematizar um projeto para a transparência nas listas do SUS e sua regulação, o cumprimento do Termo de Ajustamento de Conduta referente à adequação de hospitais regionais, além de questões específicas da saúde em algumas regiões do estado.

“A reunião teve um balanço positivo. Há uma aproximação entre o Ministério Público com a gestão e com ela reafirmamos a parceria na conjugação de esforços para melhoria do SUS de forma regionalizada”, ressaltou Kalina Figueira.

terça-feira, 21 de maio de 2019

Deputados da Comissão de Saúde da Assembleia visitam o Hemonorte



O Hemocentro do RN (Hemonorte) recebeu nesta terça-feira (21), a visita dos deputados estaduais Galeno Torquato e Eudiane Macedo, da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa. Acompanhados do diretor geral do Hemonorte, Rodrigo Villar, e demais gestores, os deputados visitaram as dependências da unidade e conheceram os serviços que o Hemocentro oferta para a população do estado.

Após a visita, foi feita uma apresentação sobre a Hemorrede estadual por parte do responsável pelo Setor de Planejamento da Unidade, Francimário Oliveira. Ao final, os deputados e o corpo diretivo do Hemonorte reuniram-se com representantes dos Hemocentros Regionais de Mossoró e Caicó e das unidades de coletas e transfusões de Currais Novos e Pau dos Ferros. Na ocasião, o diretor do Hemonorte entregou aos deputados um relatório situacional, com as principais demandas da unidade.

“Podemos ver que uma das principais demandas da Hemorrede consiste nas unidades móveis de coleta. Por isso, vamos procurar a bancada federal e alocar recursos para aquisição de uma unidade para o Hemonorte, para substituição da atual, e outra para o Hemocentro de Mossoró, que servirá para atender o interior do estado”, falou Galeno Torquato.

Para a deputada Eudiane Macêdo, o papel da Comissão é visitar e conhecer como está o funcionamento das unidades de saúde do estado. “Vamos juntar forças e buscar soluções junto aos órgãos competentes para resolver os problemas da Hemorrede”.

Segundo o diretor geral do Hemonorte, Rodrigo Villar, a qualidade dos serviços da unidade é reconhecida nacionalmente: “somos pioneiros em vários projetos. Precisamos ampliar e descentralizar nossos serviços e para que possamos captar mais doadores devemos ir aonde ele está”.



sexta-feira, 17 de maio de 2019

Suvisa/RN promove cursos para técnicos das regionais de saúde


A Secretaria de Estado da Saúde Pública do RN (Sesap), por meio da Subcoordenadoria de Vigilância Sanitária (Suvisa), promove durante todo o mês de maio minicursos na área de vigilância sanitária para os técnicos das Visas municipais. A coordenação do projeto é desenvolvida pelas técnicas Julieta Fernandes e Kelly Rodrigues.
O primeiro curso aconteceu no período de 13 a 15 de maio e foi administrado por Maria Auxiliadora Pacheco Barreto, chefe da Assessoria Jurídica da Suvisa e pela técnica Kalyne Angélica Moreira de Paiva. Entre os temas abordados estiveram assuntos como Princípios da Administração Pública, Vigilância Sanitária e a Aplicação das Normas Jurídicas, Auto de Infração e Fundamentos Legais da Atividade de Fiscalização.
Na última quinta-feira (16), a auditora fiscal, Maria Célia Barbosa de Farias, coordenou o segundo curso e falou sobre Procedimentos de Coleta de Amostras em Ocorrência de Surtos de Origem Alimentar.
O próximo curso, a ser ministrado pelo auditor fiscal Thiago do Nascimento, terá como tema "Inspeção Sanitária em Carro Pipa" e acontecerá em duas turmas; a primeira no dia 21 de maio e, a segunda, no dia 27.
Lígia Pereira, chefe do Setor de Alimentos da Suvisa coordenará os cursos de "Inspeção Sanitária em Estabelecimentos de Alimentação, no dia 28. Já nos dias 29 e 30 de maio, Auxiliadora Pacheco administrará o curso da segunda turma de Processo Administrativo Sanitário, desta vez, em Mossoró, para os técnicos da segunda regional de saúde.

quinta-feira, 16 de maio de 2019

Sesap participa de oficina sobre saúde do trabalhador


A SESAP participou, nesta quarta-feira (15), da oficina de trabalho “A Saúde do Trabalhador na atenção primária: na busca da qualificação e da integralidade no cuidado”. A ação contou com a participação da Subcoordenadora do Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (CEREST) do RN, Kelly Lima, e da Referência Técnica da Atenção Básica, Uiacy Alencar.

Promovida pela Associação Nacional de Medicina do Trabalho (ANAMT) em parceria com o Ministério da Saúde e com a Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS), em Brasília, o objetivo da oficina foi debater o papel dos Centros de Referência em Saúde do Trabalhador na qualificação dos serviços de atenção básica no atendimento ao trabalhador, identificando a relação entre a condição do paciente e sua ocupação.

A partir deste diálogo, a expectativa é de estabelecer linhas e diretrizes para desenvolver e aplicar ações ligadas à Política Nacional de Saúde do Trabalhador e Trabalhadora, bem como à Política Nacional de Atenção Básica.

Foram discutidas experiências em diferentes regiões do país, como contribuições em Saúde da Família para o fortalecimento de ações voltadas à saúde do trabalhador e o apoio técnico e pedagógico às equipes de atenção básica para o desenvolvimento de ações voltadas ao trabalhador.


terça-feira, 14 de maio de 2019

Sesap/RN elabora Plano de Enfrentamento a Mortalidade Materna e na Infância



Atendendo a uma resolução do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) está elaborando o Plano Estadual de Enfrentamento a Mortalidade Materna e na Infância, que se insere nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (Agenda 2030) da Organização das Nações Unidas (ONU).

Nesta terça-feira (14) a Coordenação de Promoção à Saúde (CPS), por meio da Subcoordenadoria de Ações de Saúde (SUAS) e Área Técnica de Saúde da Mulher, organizaram uma reunião com o objetivo de discutir ações para atuação em rede e traçar estratégias para elaboração do plano. Entre os encaminhamentos, está a criação de um Grupo de Trabalho, composto por diversas áreas técnicas da Sesap. A expectativa é que até o final do mês de julho o plano esteja concluído.

A orientação nacional é para que os planos estaduais sigam cinco principais diretrizes: Saúde Materna e Infantil na Rede de Atenção à Saúde; Vigilância em Saúde – sistemas de Informação em Saúde e Comunicação; Gestão do Cuidado; Educação Permanente em Saúde; e Governança do plano de enfrentamento da Mortalidade Materna e na Infância.

Nos dias 27 e 28 de maio acontecerá, em Brasília, uma reunião ampliada da Comissão Nacional de Mortalidade Materna, que contará com a participação da coordenadora da área técnica de saúde da mulher e Rede Cegonha da Sesap, Suzete Queiroz, representando o Comitê Estadual de Mortalidade Materna.