quinta-feira, 12 de abril de 2018

reafirma apoio ao AcolheSUS


A Secretaria de Estado da Saúde Pública do RN (Sesap) em parceria com o Ministério da Saúde (MS) promoveu nesta quarta e quinta-feira (11 e 12/4) a segunda oficina do projeto AcolheSUS no RN. O AcolheSUS objetiva a qualificação das práticas de cuidado a partir das portas de entrada do Sistema Único de Saúde (SUS) e tem por base a Política Nacional de Humanização (PNH).

A oficina foi conduzida localmente pela coordenação geral do PNH da Sesap. A porta da obstetrícia do Hospital Dr. José Pedro Bezerra, mais conhecido como Hospital Santa Catarina, foi escolhido para ser o ponto focal dessa primeira etapa do AcolheSUS na rede de serviços do SUS RN.

A secretária adjunta da Sesap, Hélida Bezerra, avaliou como bastante positivo o evento e reafirmou o apoio e a parceria da Sesap ao projeto. “As ações de humanização são muito importantes para melhoria da qualidade dos serviços“, afirmou.

O projeto foi criado para melhoria do acesso aos serviços, por parte da população, imprimindo mais qualidade e resolutividade. As diretrizes do AcolheSUS são Acolhimento, Ambiência, Gestão e Organização do Cuidado e Qualificação profissional.

O evento no Rio Grande do Norte foi direcionado para profissionais do grupo executivo estadual e grupo executivo local do AcolheSUS no RN. Na programação da oficina foi abordada a delimitação e elaborado o plano de trabalho com proposição de atividades e ações de melhorias para cada problema priorizado.

Desafios


Um dos desafios para os gestores é tornar mais humanizado o padrão de acolhimento aos usuários nos serviços de saúde, aprimorando o SUS. A política Nacional de Humanização da Atenção e da Gestão do SUS (PNH) desde sua criação, em 2003, tem contribuído para efetivar os princípios do SUS e se apresenta como política transversal, capaz de interferir na qualificação dos modelos de atenção e de gestão, melhoria do acesso, acolhimento do usuário e trabalhadores e na qualidade dos serviços.

0 comentários:

Postar um comentário