quinta-feira, 8 de março de 2018

Secretaria da Saúde moderniza sistema eletrônico de processos

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), assim como todos os órgãos do governo do Rio Grande do Norte, passa por um intenso processo de modernização do sistema eletrônico de tramitação de documentos. Até 1° de maio, a secretaria espera implantar o Sistema Eletrônico de Informações (SEI!) em todos os seus serviços: sede, hospitais, unidades de referência e regionais de saúde. Devido a isso, todos os servidores que utilizam o protocolo.net para cadastrar processos deverão se cadastrar no novo sistema e fazer o treinamento. Quem não teve acesso a essa informação deve preencher o Formulário para cadastro do SEI! com seus dados até o dia 19 deste mês.

De acordo com Chander Oliveira, subcoordenador de Informática da Sesap, foi enviado um Memorando Circular para todas as coordenações solicitando dados dos servidores que cadastram os processos no Sistema Eletrônico de Informações atual. Esses dados serão cadastrados no SEI! e os servidores deverão passar por um treinamento gratuito ofertado na modalidade a distância pela Escola Nacional de Administração Pública (Enap).

O treinamento está com inscrições abertas no Portal Único de Escolas de Governo e tem como objetivo simular a utilização das funcionalidades do sistema de forma prática e interativa.

Para se inscrever, o interessado deve acessar o site http://evg.gov.br > clicar em Catálogo de Cursos > clicar na temática Documentos, Informação e Conhecimento no meu lateral esquerdo > procurar o nome do curso SISTEMA ELETRÔNICO DE INFORMAÇÕES - SEI! USAR > e clicar no ícone Inscreva-se. Na sequência, o usuário é direcionado automaticamente para o formulário de inscrição do curso. Aqueles que não estão registrados no Portal precisam efetuar um cadastro simples antes.
SEI! USAR é realizado via internet, utilizando-se a plataforma Moodle da Enap, tanto para apresentação do conteúdo quanto para cumprimento das atividades. O curso é gratuito e tem carga horária de 20 horas. As atividades avaliativas ficam abertas apenas durante o período do curso e são corrigidas diretamente pela plataforma Moodle de forma automática. Elas englobam exercícios com questões elaboradas em diferentes níveis de dificuldade e formatos.

O curso é autoinstrucional, ou seja, não há o acompanhamento de tutor especialista para sanar dúvidas de conteúdo. Também não há ferramentas para subsidiar a interação com outros participantes no ambiente do curso. É imprescindível a autonomia de cada aluno para o estabelecimento de sua própria rotina de estudos, podendo realizar o curso a qualquer hora e em qualquer local que tenha computador ou dispositivo móvel com acesso à internet. Ao final da capacitação, o servidor receberá um certificado de conclusão.

De acordo com Chander Oliveira, subcoordenador de Informática da Sesap, o SEI! além de ter uma interface amigável, vai proporcionar maior economia, agilidade e transparência na tramitação de documentos. “A partir de agora, todos os processos de compras governamentais, consultas jurídicas, ofícios e memorandos, serão feitos por meio eletrônico. Além de ajudar na preservação do meio ambiente, pois vai reduzir consideravelmente a utilização de papel, as trocas entre as pastas vão ficar bem mais rápidas. Um documento que precisava ser protocolado e levado entre dois ou mais órgãos agora é enviado e recebido instantaneamente” destaca.

Ele explica ainda que o memorando foi expedido inicialmente para a sede, mas as outras unidades da Sesap já podem acessar o formulário e preencher os dados e incentivar os servidores a fazerem o treinamento. Caso tenham dúvidas entrar em contato com a SUININ por meio do email suininsuporte@gmail.com ou pelos telefones 3232-6159/ 22705.

SEI!


Criado pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), o SEI é hoje a ferramenta oficial do Governo Federal para implantação do Processo Eletrônico Nacional (PEN)  (http://www.planejamento.gov.br/pensei) e vem se tornando ferramenta presente em toda a administração pública, amparando-se em características como: inovação, economia do dinheiro público, transparência administrativa, compartilhamento do conhecimento produzido e sustentabilidade.

0 comentários:

Postar um comentário